0%
Caution: JavaScript execution is disabled in your browser or for this website. You may not be able to answer all questions in this survey. Please, verify your browser parameters.

Projeto Infeção por VIH/SIDA em Casais Serodiscordantes | Parceiro(a) VIH-negativo(a)

Projeto Infeção por VIH/SIDA em Casais Serodiscordantes: Uma abordagem diádica e multidimensional

PARCEIRO(A) VIH-NEGATIVO(A)

 

Agradecemos ter clicado no link para responder a este questionário!

 

projeto Infeção por VIH/SIDA em Casais Serodiscordantes é um estudo que está a ser realizado com casais em que um dos parceiros é VIH-positivo e o outro é VIH-negativo.

 

O presente inquérito é para parceiro(a) VIH-negativo(a) da atual relação.

 

Este estudo é um estudo longitudinal, que compreende três momentos de avaliação. Os participantes serão solicitados a responder a um conjunto de questionários no início do estudo;  6 meses depois; e 12 meses depois.

 

Quais são os objetivos deste estudo? - Avaliar o impacto da infeção por VIH na adaptação individual, na adaptação conjugal, bem como nas escolhas e comportamentos sexuais e estratégias que os casais serodiscordantes adotam no que respeita ao sexo seguro, e nas motivações individuais e partilhadas para ter filhos.

Quem pode participar? -  Os casais podem participar se:

  • Forem casais heterossexuais, em que um(a) dos(as) parceiros(as) é VIH-positivo(a) e o(a) outro(a) VIH-negativo(a);
  • O(A) parceiro(a) VIH-positivo(a) tiver revelado o seu estado serológico ao(à) parceiro(a) VIH-negativo(a);
  • Os membros do casal tiverem a idade ≥ 18 anos;
  • Se a mulher (quer seja a parceira negativa ou positiva) não estiver grávida;
  • Estiverem dispostos a dar o seu consentimento informado;
  • Tiverem a capacidade de escrever e ler Português.

Como participar? - A sua participação é voluntária. Apenas será necessário responder a este inquérito online, composto por um conjunto de questões simples e de resposta rápida, mas íntimas, sobre diferentes áreas da sua vida (individual, relacional/sexual, social). Não existem respostas certas nem erradas. Este questionário deve ser preenchido em privado e de forma individual (ou seja, independentemente do/a parceiro/a). A participação neste estudo não inclui quaisquer riscos para si ou para o(a) seu(sua) parceiro(a), para além do incómodo que possa constituir o preenchimento do questionário. Finalmente, o seu parceiro/a sua parceira não terá conhecimento das suas respostas. 

Na página seguinte, ser-lhe-á pedida a sua autorização para participar no estudo. Caso aceite participar no estudo, respondendo “Sim” à pergunta, será reencaminhado(a) para o inquérito online. Caso opte por não participar, não haverá qualquer consequência para o acompanhamento e cuidados que lhe são prestados a si e ao seu parceiro/à sua parceira.

Como funciona?

  1. Para, então, começar a responder ao questionário, clique em “Seguinte”;
  2. Se começar a preencher o questionário e decidir retomá-lo numa outra altura, poderá clicar em “Continuar mais tarde”. Nessa altura, o seu questionário será gravado e ser-lhe-ão fornecidos dados para poder aceder ao questionário mais tarde (clicando na opção “Carregar inquérito não terminado”). No entanto, é muito importante completar o preenchimento do questionário para que as suas respostas sejam válidas;
  3. Pode, em qualquer momento, e por qualquer motivo, desistir de colaborar neste estudo, encerrando, para isso, a janela.

Como é garantida a confidencialidade? - As suas respostas serão estritamente confidenciais e anónimas. Todos os dados recolhidos serão analisados coletivamente, não havendo por isso lugar à identificação de nenhum dos participantes. Em qualquer momento e por qualquer motivo (inclusive se sentir a sua privacidade invadida) pode desistir de colaborar neste projeto, sem que tal afete o seu tratamento e os cuidados que lhe são prestados a si e ao(à) seu(sua) parceiro(a).

Qual o papel dos investigadores? Os investigadores deste estudo comprometem-se a: a) garantir que os dados recolhidos serão anónimos (não permitem a identificação dos participantes) e confidenciais (todos os dados serão identificados unicamente com um código); em nenhuma circunstância serão divulgados dados pessoais ou as respostas aos questionários; b) utilizar os dados apenas para fins de investigação e no âmbito do presente estudo.

Quem está a realizar este estudo? – Este estudo está a ser realizado por uma equipa de investigadores do Grupo de Investigação “Relações, Desenvolvimento & Saúde” do Centro de Investigação do Núcleo de Estudos e Intervenção Cognitivo-Comportamental (CINEICC), da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra. O estudo conta com o apoio da Fundação para a Ciência e Tecnologia (SFRH/BD/100117/2014) e enquadra-se no âmbito de um projeto de investigação financiado pelo programa Investigador FCT (IF/00402/2014).

Equipa de investigação:

  • Alexandra Martins (FPCE-UC)
  • Maria Cristina Canavarro (FPCE-UC)
  • Marco Pereira (FPCE-UC)

Onde serão divulgados os resultados do estudo? - Após a conclusão deste estudo, os principais resultados e informação adicional sobre este projeto serão divulgados em: www.fpce.uc.pt/saude/

 

As suas respostas serão um importante contributo com repercussões clínicas, científicas e sociais. Desde já, os investigadores responsáveis agradecem a sua disponibilidade e colaboração!


Se tem questões adicionais acerca desta investigação, por favor, contacte os investigadores responsáveis:

Alexandra Martins | Marco Pereira

Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
Rua do Colégio Novo

3000-115 Coimbra

Telefone: 239 851450  /  Fax: 239 851465
E-mail: 
alexandrafrsmartins@gmail.com marcopereira@fpce.uc.pt

There are 116 questions in this survey.
Este inquérito é anónimo.

O registo das respostas ao inquérito não contém qualquer informação sobre a sua identidade, excepto se alguma pergunta do inquérito solicitar alguma identificação e a fornecer.

Se usou um código para aceder a este inquérito este código não será guardado junto com as suas respostas. O código é gerido numa base de dados separada e apenas é utilizado pelo programa para registar que concluíu o inquérito. Não há forma de relacionar os códigos dos convidados a participar no inquérito com as respostas dadas.